Tratamento dos Gases

A tecnologia do tratamento dos gases da URE Valoriza Santos é alemã, amplamente empregada nas plantas térmicas europeias, oferecendo soluções ecologicamente sustentáveis para a captação de particulados e limpeza dos gases poluentes.

filtro.png

As emissões derivadas do tratamento térmico do CDR contêm substâncias que não podem ser liberadas diretamente no meio ambiente, para tanto, todos os gases gerados na  caldeira, serão encaminhados para o sistema de tratamento de gases, cujo objetivo é garantir a limpeza destes gases em conformidade com a Resolução SMA 79.

O sistema é composto por três estágios sequenciais:

O primeiro estágio é onde ocorre o resfriamento dos gases da combustão no resfriador por evaporação. Nesse processo a temperatura dos gases é reduzida atingindo a condição necessária para absorver os poluentes ácidos.

No segundo estágio, dentro do reator, ocorre a adsorção semi-seca, condicionada com o acréscimo de cal hidratada e carvão ativado. Este estágio do processo, em conjunto com o filtro de mangas, é o estágio central da redução dos gases de combustão, no qual ocorre a separação dos componentes do gás cru e, consequentemente, onde há a redução para os valores de emissões normativos.

No terceiro estágio, dentro do filtro de mangas, o produto resultante do segundo estágio e as partículas volantes, ainda contidas no gás, são separadas pelas superfícies dos elementos filtrantes. Os gases de combustão passam pelas mangas, gerando novas reações, como a adsorção de dioxinas, furanos e outros componentes.

 

O exaustor mantém a pressão negativa no processo, conduzindo os gases gerados na caldeira até o sistema de tratamento. Esta pressão garante, também, a hermeticidade relativa dos gases de combustão.

Finalmente, os gases da combustão, já depurados, saem do processo de termovalorização por meio da chaminé.

monitoramento.png
foto monitoramento caldeira.jpg

No controle das emissões atmosféricas, a URE contará com sistema de monitoramento contínuo que irá coletar os dados e compará-los com os limites de emissões normativos, automaticamente. Esse sistema irá gerar um registro permanente das emissões do processo, permitindo que a Agência Ambiental tenha acesso aos dados de emissão continuamente.